Compre pelo telefone
(31) 3270-5000
0300 313 1010

Insulina Tresiba 100UI/ml Caneta Descartável Flex Touch 1 Unidade com 3ml

MANTER SOB REFRIGERAÇÃO CONFORME RECOMENDAÇÃO DO FABRICANTE. NÃO EFETUAMOS TROCA.

07897705201916
Insulina Tresiba 100UI/ml Caneta Descartável Flex Touch 1 Unidade com 3ml
De: R$ 168,40
Por: R$ 127,31ou
2x de R$ 63,65
sem juros
ComprarVendedor Araujo
+ Saiba Mais

GRP_INTEGRACAO

Possui Venda PermitidaS
Informe Ministério Saúde 02-
Informe Ministério Saúde 04-
Informe Ministério Saúde 05-
Informe Ministério Saúde 08-
Informe Ministério Saúde 09-
Informe Ministério Saúde 01"VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA."
Informe Ministério Saúde 03-
Informe Ministério Saúde 06-
Informe Ministério Saúde 07-
Informe Ministério Saúde 10-
Princípio AtivoINSULINA DEGLUDEC

Característica

FabricanteNovo Nordisk
Indicação

ComposiçãoINSULINA DEGLUDEC (100UI/1ML)
Contraindicação

RMS1.1766.0029.004-4

Saiba Mais

Saiba Mais

Este Medicamento faz parte do Programa Novo dia da Novo Nordisk com ele você garante descontos e uma série de benefícios.

Digite seu CPF e garanta agora o seu desconto.

NOVO DIA
Uma nova perspectiva na vida das pessoas com diabetes e obesidade, com dicas e informações para uma vida mais saudável. O programa NovoDia foi criado especialmente para oferecer apoio a elas e tem o objetivo de ajudar o paciente a melhorar sua qualidade de vida e a manter as doenças sob controle, com maior adesão ao tratamento prescrito.

Benefícios:
• Facilidade e acesso à informação e ao tratamento;
• Orientações de armazenagem, transporte, manuseio e aplicação dos produtos;
• Materiais educativos.


TRESIBA FLEXTOUCH

NOVO NORDISK FARM. DO BRASIL LTDA.
SISTEMA DE APLICAÇÃO 3 ML
SOLUÇÃO INJETÁVEL.
100 U/ML.

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO:
Tresiba FlexTouch 100 U/Ml.
Insulina degludeca.

APRESENTAÇÕES:
Tresiba FlexTouch 100 U/mL - embalagens com 1 ou 5 sistema(s) de aplicação preenchido(s), cada um com 3 mL de solução injetável de insulina degludeca.

VIA SUBCUTÂNEA.
USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 1 ANO.
COMPOSIÇÃO:

1 mL de solução contém:
Insulina degludeca ............................................................................................................................... 100 U (equivalente a 3,66 mg de insulina degludeca)

Excipientes: glicerol, metacresol, fenol, acetato de zinco, ácido clorídrico, hidróxido de sódio e água para injetáveis.

Cada sistema de aplicação preenchido de Tresiba FlexTouch contém 3 mL equivalente a 300 U. Uma unidade (U) de insulina degludeca corresponde a uma unidade internacional (UI).

O sistema de aplicação preenchido pode fornecer uma dose máxima de 80 unidades em uma única injeção com incrementos de dose de 1 unidade.

A insulina degludeca é produzida por tecnologia do DNA recombinante em Saccharomyces cerevisiae.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE:
1. PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Tresiba (insulina degludeca) é indicado para o tratamento de diabetes mellitus em adultos, adolescentes e crianças acima de 1 ano de idade.

Tresiba pode ser usado em combinação com antidiabéticos orais, assim como com outras insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

Em pacientes com diabetes mellitus tipo 2, Tresiba® pode ser utilizado isoladamente ou em combinação com antidiabéticos orais, ou agonistas de receptores de GLP-1 e insulina bolus.

Em pacientes com diabetes mellitus tipo 1, Tresiba® sempre deve ser administrado em combinação com insulina rápida ou ultrarrápida.

2. COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Tresiba ajuda o seu corpo a reduzir o nível de açúcar no sangue (glicemia). É uma insulina de ação ultralonga chamada insulina degludeca para utilização uma vez ao dia.

Tresiba tem efeito prolongado na redução do açúcar no sangue. Por este motivo, em ocasiões em que você não possa aplicar no horário recomendado, é possível mudar o horário de aplicação (veja o item “Posologia – Flexibilidade do horário de aplicação”).

Tresiba FlexTouch 100 U/mL dispensa uma dose máxima de 80 unidades por injeção em intervalos de dose de 1 U. Seu médico ou profissional de saúde irá mostrar como usar o sistema de aplicação.

O seu médico pode pedir que use somente Tresiba ou Tresiba associado com outros medicamentos para diabetes.
Tresiba pode ser usado com insulina de ação rápida ou ultrarrápida.

No diabetes mellitus tipo 2, Tresiba pode ser utilizado em combinação com antidiabéticos orais ou com outros antidiabéticos injetáveis, que não a insulina. No diabetes mellitus tipo 1, Tresiba deve ser usado em combinação com insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

3. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Não use Tresiba se você for alérgico (hipersensível) à insulina degludeca ou a qualquer um dos outros componentes do medicamento (veja o item “Composição”).

4. O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Leia toda a bula com atenção antes de começar a usar este medicamento, pois contém informações importantes para você.

• Mantenha esta bula com você. Você pode precisar lê-la novamente.
• Se você tiver dúvidas adicionais, pergunte ao seu médico ou profissional de saúde.
• Este medicamento foi prescrito apenas para você. Não o dê para outras pessoas. Ele poderá causar danos até mesmo se os sinais da doença forem os mesmos que os seus.
• Se você apresentar qualquer efeito adverso converse com o seu médico ou profissional de saúde. Isto inclui qualquer possível efeito adverso não mencionado nesta bula.

Advertências e precauções:
Converse com seu médico ou profissional de saúde antes de usar Tresiba. Tenha especial atenção nos seguintes casos:

• Baixo nível de açúcar no sangue (hipoglicemia) – Se o seu nível de açúcar no sangue estiver muito baixo, siga a orientação para baixo nível de açúcar no sangue, descrita no item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

• Alto nível de açúcar no sangue (hiperglicemia) – Se o seu nível de açúcar no sangue está muito alto, siga a orientação para alto nível de açúcar no sangue, descrita no item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

• Transferência de outro tipo de insulina – A dose de insulina pode precisar ser alterada se você mudar de marca ou fabricante de insulina. Converse com seu médico.

• Tiazolidinedionas usadas em combinação com insulina, veja o item “tiazolidinedionas” a seguir.

• Distúrbio visual – A rápida melhora do controle do açúcar no sangue pode levar a piora temporária do distúrbio visual diabético. Se você apresentar problemas visuais, converse com seu médico.

• Garanta que você está usando o tipo certo de insulina – Sempre verifique o rótulo da insulina antes de cada injeção para evitar a troca acidental de Tresiba com outras insulinas.

Para pacientes com deficiência visual, verificar o item “6. Como devo usar este medicamento?”.

Crianças e adolescentes:
Este medicamento pode ser usado por adolescentes ou crianças acima de 1 ano de idade. Não existe experiência com o uso de Tresiba em crianças menores de 1 ano de idade.

Em crianças, deve-se tomar cuidado para que as doses de insulina (especialmente em regime basal-bolus) coincidam com a ingestão de alimentos e a realização de atividades físicas, a fim de minimizar o risco de hipoglicemia.

Não há experiência clínica do uso da insulina degludeca em crianças ou adolescentes de até 18 anos de idade com diabetes mellitus do tipo 2. Os dados para adolescentes com diabetes mellitus do tipo 2 foram extrapolados.

Gravidez e amamentação:
Não se sabe se Tresiba afeta o bebê na gestação. Fale com o seu médico para aconselhamento se você estiver grávida, planejando engravidar ou amamentando antes de usar este medicamento. Sua dose de insulina podem necessitar de ajuste durante a gravidez e após o parto. É necessário um controle cuidadoso do seu diabetes durante a gravidez. É importante para a saúde de seu bebê evitar níveis muito baixos de açúcar no sangue (hipoglicemia).

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Dirigindo e usando máquinas:
Níveis muito baixos (hipoglicemia) ou muito altos (hiperglicemia) de açúcar no sangue podem afetar sua capacidade de dirigir ou utilizar quaisquer ferramentas ou máquinas. Se seu nível de açúcar no sangue está muito alto ou muito baixo, sua habilidade para concentrar-se ou reagir pode estar afetada. Isto pode ser perigoso para você e para os outros.

Consulte seu médico para saber se você pode dirigir:
• Se você frequentemente fica com o nível de glicose no sangue muito baixo;
• Se você acha difícil reconhecer quando o nível de glicose no sangue está muito baixo.

Importante informação sobre alguns componentes de Tresiba:
Tresiba contém menos de 23 mg (1 mmol) de sódio por dose. Isto significa que Tresiba é essencialmente "livre de sódio".

Este medicamento pode causar doping.

Principais interações medicamentosas:
Informe ao seu médico ou profissional de saúde se você estiver tomando ou tiver tomado recentemente qualquer outro medicamento, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Alguns medicamentos afetam o seu nível de açúcar no sangue - isso pode significar que sua dose de insulina deve mudar.
Os medicamentos mais comuns que podem afetar o seu tratamento com insulina estão listados a seguir.

Seu nível de açúcar no sangue pode diminuir (hipoglicemia), se você utilizar:
• Outros medicamentos para diabetes;
• Sulfonamidas - para infecções;
• Esteroides anabolizantes - como a testosterona;
• Beta-bloqueadores - para pressão alta. Eles podem tornar mais difícil de reconhecer os sinais de nível muito baixo de açúcar no sangue (veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”);
• Ácido acetilsalicílico (e outros salicilatos) - para dor e febre moderada;
• Inibidores da monoaminoxidase (IMAO) - para depressão;
• Inibidores da enzima conversora da angiotensina (ECA) - para alguns problemas cardíacos ou pressão alta.

Seu nível de açúcar no sangue pode aumentar (hiperglicemia), se você utilizar:
• Danazol - para endometriose;
• Contraceptivos orais - pílula anticoncepcional;
• Hormônios da tireoide - para problemas de tireoide;
• Hormônio do crescimento - para deficiência de hormônio de crescimento;
• Glicocorticoides como a cortisona - para a inflamação;
• Simpatomiméticos como a epinefrina (adrenalina), salbutamol ou terbutalina - para asma;
• Tiazidas - para pressão alta ou se o seu corpo está acumulando muita água (retenção de líquidos).

Octreotida e lanreotida - usados para o tratamento de uma condição rara envolvendo excesso de hormônio do crescimento (acromegalia). Ambos podem aumentar ou diminuir o seu nível de açúcar no sangue.

Iazolidinediona - medicamento antidiabético oral utilizado para o tratamento do diabetes mellitus tipo 2.
Alguns pacientes com diabetes mellitus tipo 2 de longa data e doença cardíaca ou acidente vascular cerebral prévio, que foram tratados com tiazolidinediona e insulina, desenvolveram insuficiência cardíaca. Informe ao seu médico o mais rápido possível se você apresentar sinais de insuficiência cardíaca, tais como falta de ar incomum ou aumento rápido do peso ou inchaço localizado (edema).

Se alguma das situações acima se aplica a você (ou você não tem certeza), fale com seu médico ou profissional de saúde.

Tresiba com álcool: Se você tomar bebidas alcoólicas sua necessidade de insulina pode mudar. Seu nível de açúcar no sangue pode tanto diminuir quanto aumentar. Seu nível de açúcar no sangue deverá ser monitorado mais frequentemente do que o usual.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.
Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

5. ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Antes do uso: Conservar sob refrigeração (temperatura entre 2 °C e 8 °C). Mantenha o medicamento distante do compartimento do congelador. Não congelar.

Em uso ou carregados como reserva: Você pode levar Tresiba FlexTouch com você e mantê-lo à temperatura ambiente (abaixo de 30 °C) ou sob refrigeração entre 2 °C e 8 °C, por até 8 semanas.

Após aberto, Tresiba deve ser mantido em temperatura ambiente, inferior a 30 °C ou sob refrigeração entre 2 °C e 8 °C, longe do calor direto e tampado para proteger da luz, por no máximo 8 semanas (56 dias).

Sempre mantenha o sistema de aplicação tampado quando você não estiver usando, para proteger da luz.
Tresiba deve ser protegido do calor e luz excessivos.
Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.
O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Medicamentos não devem ser descartados pelo encanamento ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos que já não são necessários. Estas medidas ajudarão a
proteger o meio ambiente.

Tresiba é uma solução límpida e incolor.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

6. COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Sempre usar este medicamento exatamente como o seu médico indicou. Caso você não tenha certeza, verifique com o seu médico ou profissional de saúde.

Cegos ou pessoas que apresentam problemas visuais e não podem ler o contador de dose da caneta, não devem usar a caneta sem ajuda. Alguém com boa visão, que seja treinada para usar o sistema de aplicação Tresiba FlexTouch, deve auxiliar.

Posologia:
Você e seu médico irão decidir:
• Quanto Tresiba você vai precisar a cada dia
• Quando verificar o nível de açúcar no sangue e se você precisa de uma dose maior ou menor.

Tresiba pode ser usado com insulina de ação rápida ou ultrarrápida. No diabetes mellitus tipo 2,

Tresiba pode ser utilizado em combinação com antidiabéticos orais ou com outros antidiabéticos injetáveis que não a insulina. No diabetes mellitus tipo 1, Tresiba deve ser usado em combinação com insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

Flexibilidade do horário de aplicação:
• Siga sempre a recomendação de dose do seu médico.
• Use Tresiba uma vez ao dia, preferencialmente no mesmo horário todos os dias.

• Em ocasiões quando não for possível usar Tresiba no mesmo horário do dia, é possível aplicar em outro horário. Assegure-se de haver no mínimo 8 horas entre as aplicações. Não há experiência com flexibilidade no horário de administração de Tresiba em crianças e adolescentes.

• Se você quiser mudar a sua dieta habitual, verifique antes com seu médico ou profissional de saúde, visto que uma alteração na dieta pode alterar suas necessidades de insulina.

O seu médico pode alterar a sua dose com base no seu nível de açúcar no sangue.
Quando usar outros medicamentos, pergunte ao seu médico se o seu tratamento precisa ser ajustado.

Injetando o seu medicamento:
Antes de usar Tresiba FlexTouch pela primeira vez, o seu médico ou profissional de saúde mostrará como usá-lo.

• Verifique o nome e cor da etiqueta no sistema de aplicação para se certificar de que é a insulina correta.

Não use Tresiba FlexTouch:
- Em bombas de infusão de insulina.
- Se o sistema de aplicação estiver danificado ou não foi corretamente armazenado (ver item “5. Onde, como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?”).
- Se a insulina não tiver aspecto límpido e incolor.

Como injetar:
- Tresiba é administrado através de aplicação sob a pele. Não o injetar na veia ou no músculo.
- Os melhores lugares para aplicar são à frente das coxas, parte superior dos braços ou na barriga (abdômen).
- Mude o local da injeção a cada dia para evitar caroços nestas áreas.

As instruções detalhadas para o uso encontram-se no final desta bula.

Uso em crianças e adolescentes:
Tresiba pode ser usado em adolescentes e crianças acima de 1 ano de idade. Não existe experiência com o uso de Tresiba em crianças menores de 1 ano de idade.

Uso em idosos:
Tresiba pode ser usado em pacientes idosos acima de 65 anos de idade, mas você talvez precise verificar seu nível de açúcar no sangue mais regularmente. Converse com o seu médico sobre as mudanças na sua dose.

Se você tiver problemas nos rins ou no fígado:
Se você tiver problemas nos rins ou no fígado pode ser necessário verificar o seu nível de açúcar no sangue mais regularmente. Converse com seu médico sobre as mudanças na sua dose de Tresiba.

Se você parar de usar Tresiba:
Não pare de utilizar sua insulina sem falar com seu médico. Se você parar de utilizar sua insulina, seu nível de açúcar no sangue pode aumentar muito e levar à cetoacidose (é uma emergência médica, e acontece quando os níveis de açúcar no sangue do paciente diabético encontram-se muito altos e estão acompanhados do aumento da quantidade de cetonas no sangue) (veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”).

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

7. O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Se você esquecer uma dose, aplique a dose esquecida assim que o perceber garantindo um mínimo de 8 horas entre as doses. Caso você perceba que se esqueceu de tomar a dose anterior, no momento de tomar a dose atual não tome uma dose dupla e retorne a sua dose diária habitual.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

8. QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Como os demais medicamentos, Tresiba pode causar efeitos colaterais, embora nem todos pacientes apresentem estes efeitos. Os seguintes efeitos colaterais podem ocorrer com o uso deste medicamento:

Reação muito comum (pode ocorrer em mais de 1 em 10 pacientes):
Nível muito baixo de açúcar no sangue (hipoglicemia) que pode ser muito grave. Se seu nível de açúcar no sangue diminuir demais você pode ficar inconsciente. Hipoglicemia grave pode causar dano cerebral e pode ser fatal. Se você tiver sintomas de baixo nível de açúcar no sangue, tome ações para aumentar o nível de açúcar no sangue imediatamente - veja a seguir “Nível muito baixo de açúcar no sangue”.

Reação comum (pode ocorrer em até 1 em 10 pacientes):
Reações locais: pode ocorrer reação no local de aplicação. Os sinais podem incluir: dor, vermelhidão, urticária, inchaço e coceira. As reações geralmente desaparecem depois de alguns dias. Consulte o seu médico se não desaparecerem após algumas semanas. Pare de usar Tresiba® e consulte um médico imediatamente caso as reações se tornem graves. Para mais informações veja a seguir "Reação alérgica grave”.

Reação incomum (pode ocorrer em até 1 em 100 pacientes):
Alterações de pele no local de aplicação (lipodistrofia): se você aplicar a injeção frequentemente no mesmo lugar, a gordura sob a pele pode atrofiar (lipoatrofia) ou tornar-se mais espessa (lipohipertrofia).

A mudança do local da injeção a cada aplicação pode ajudar a evitar estas alterações na pele. Se você observar essas alterações na pele, informe ao seu médico ou profissional de saúde. Se você continuar aplicando a injeção no mesmo lugar, estas reações podem se tornar mais graves e afetar a quantidade de medicamento que o seu corpo absorve após a aplicação.

Inchaço ao redor das suas articulações: quando você começa a utilizar o medicamento, seu corpo pode reter mais água do que deveria. Isso pode causar inchaço ao redor dos tornozelos e outras articulações. Isto geralmente é de curta duração.

Reação rara (pode ocorrer em até 1 em 1000 pacientes):
Este medicamento pode causar reações alérgicas tais como urticária, inchaço da língua e dos lábios, diarreia, cansaço, náuseas e coceira.

Reação alérgica grave: se você tiver uma reação alérgica grave ao Tresiba ou à qualquer um de seus componentes, pare de usar Tresiba e consulte um médico imediatamente. Os sinais de uma reação alérgica grave são:

• As reações locais espalham para outras partes do seu corpo;
• Você de repente se sente mal e transpira;
• Você começa a apresentar vômitos;
• Você sente dificuldade em respirar;
• Você apresenta batimento cardíaco rápido ou sensação de tontura.

Outros efeitos do diabetes:
- Nível muito baixo de açúcar no sangue (hipoglicemia)

Nível muito baixo de açúcar no sangue pode ocorrer se você:
Tomar bebidas alcoólicas; usar muita insulina; exercitar-se mais do que o normal; comer muito pouco ou pular uma refeição.

Sinais de alerta de nível muito baixo de açúcar no sangue - estes podem surgir rapidamente:
Dor de cabeça, fala arrastada, batimento cardíaco acelerado, suor frio, pele fria e pálida, sentir-se adoentado, sentir muita fome, tremor ou sensação de nervoso ou preocupação, sentir um cansaço anormal, fraqueza e sonolência, sensação de confusão, dificuldade de concentração, mudanças de curta duração na sua visão.

O que fazer se você apresentar níveis muito baixos de açúcar no sangue:
• Coma açúcar ou outro alimento muito açucarado como doces, biscoitos ou suco de fruta (sempre leve açúcar ou algum alimento muito açucarado com você, como precaução).

• Se possível dose o açúcar no sangue e descanse. Você pode precisar medir o açúcar no sangue mais de uma vez, visto que com toda insulina basal a melhora pode demorar.

• Aguarde até que os sinais de baixo nível de açúcar no sangue tenham desaparecido ou que o seu nível de açúcar no sangue se restabeleça. Em seguida, continue com a sua insulina, como de costume.

O que os outros precisam fazer caso você desmaie:

Informe que você tem diabetes a todos com quem você passa mais tempo. Informe a eles o que pode acontecer, incluindo o risco de desmaiar quando o nível de açúcar no sangue ficar muito baixo.

Eles precisam saber que, se você desmaiar, eles devem:
• Virar você de lado;
• Obter ajuda médica imediatamente;
• Não dar a você nada para comer ou beber, pois você poderá engasgar.

Você pode se recuperar mais rapidamente do desmaio com uma injeção de glucagon. Esta só pode ser administrada por alguém que saiba como usá-la.

• Se você receber glucagon, você vai precisar de açúcar ou um alimento açucarado logo que você se recuperar.
• Se você não responder a uma injeção de glucagon, você terá que ser tratado em um hospital.
• Se a hipoglicemia grave não for tratada ao longo do tempo, pode ocorrer dano cerebral. Isto pode ser de curta ou longa duração e pode levar à morte.

Converse com seu médico se:
- O nível de açúcar no sangue ficou tão baixo que você desmaiou;
- Você usou uma injeção de glucagon;
- Você apresentou hipoglicemia algumas vezes recentemente.

Isso pode acontecer porque a dose ou o horário de suas aplicações de insulina, alimentação ou exercício podem precisar ser alterados.
- Nível muito alto de açúcar no sangue (hiperglicemia).

Nível muito alto de açúcar no sangue pode acontecer se você:
Comer mais ou se exercitar menos do que o habitual; tomar bebida alcoólica; tiver uma infecção ou febre; não usar insulina suficiente; usar constantemente menos insulina do que você precisa; esquecerse de usar a sua insulina ou parar de usar a insulina sem falar com seu médico.

Sinais de alerta de nível muito alto de açúcar no sangue - estes normalmente aparecem gradualmente:
Rubor da pele, pele seca, sonolência ou cansaço; boca seca, respiração com odor de fruta (hálito cetônico); urinar com mais frequência, sensação de sede; perda de apetite, mal-estar (náuseas ou vômitos).

Estes podem ser sinais de uma condição muito grave chamada cetoacidose. Este é um acúmulo de ácido no sangue porque o corpo está utilizando a gordura em vez de açúcar. Se não for tratada, esta pode levar ao coma diabético e eventualmente à morte.

O que fazer se você apresentar nível muito alto de açúcar no sangue:
• Teste seu nível de açúcar no sangue;
• Se puder, teste sua urina para cetonas;
• Obtenha ajuda médica imediatamente.

Se você apresentar qualquer efeito colateral, fale com o seu médico ou profissional de saúde. Isto inclui quaisquer possíveis efeitos colaterais não mencionados nesta bula.

Atenção:
Este produto é um medicamento novo e, embora as pesquisas tenham indicado eficácia e segurança aceitáveis, mesmo que indicado e utilizado corretamente, podem ocorrer eventos adversos imprevisíveis ou desconhecidos. Nesse caso, informe seu médico ou cirurgião- dentista.

9. O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Se você usar muita insulina o seu açúcar no sangue pode ficar muito baixo (hipoglicemia) - veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

DIZERES LEGAIS.
Registro MS 1.1766. 0029.
Farmacêutico responsável:
Luciane M. H. Fernandes.
CRF/PR n° 6002
Fabricado por:
Novo Nordisk A/S.
DK-2880 Bagsværd, Dinamarca.
Importado por:
Novo Nordisk Farmacêutica do Brasil Ltda.
Rua Prof. Francisco Ribeiro, 683.
CEP: 83707-660.
Araucária/PR.
CNPJ: 82.277.955/0001-55.
Disk Novo Nordisk: 0800 144488.
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Esta bula foi aprovada pela Anvisa em 18/10/2019.

 

GRP_INTEGRACAO

Possui Venda PermitidaS
Informe Ministério Saúde 02-
Informe Ministério Saúde 04-
Informe Ministério Saúde 05-
Informe Ministério Saúde 08-
Informe Ministério Saúde 09-
Informe Ministério Saúde 01"VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA."
Informe Ministério Saúde 03-
Informe Ministério Saúde 06-
Informe Ministério Saúde 07-
Informe Ministério Saúde 10-
Princípio AtivoINSULINA DEGLUDEC

Característica

FabricanteNovo Nordisk
Indicação

ComposiçãoINSULINA DEGLUDEC (100UI/1ML)
Contraindicação

RMS1.1766.0029.004-4

Saiba Mais

Saiba Mais

Este Medicamento faz parte do Programa Novo dia da Novo Nordisk com ele você garante descontos e uma série de benefícios.

Digite seu CPF e garanta agora o seu desconto.

NOVO DIA
Uma nova perspectiva na vida das pessoas com diabetes e obesidade, com dicas e informações para uma vida mais saudável. O programa NovoDia foi criado especialmente para oferecer apoio a elas e tem o objetivo de ajudar o paciente a melhorar sua qualidade de vida e a manter as doenças sob controle, com maior adesão ao tratamento prescrito.

Benefícios:
• Facilidade e acesso à informação e ao tratamento;
• Orientações de armazenagem, transporte, manuseio e aplicação dos produtos;
• Materiais educativos.


TRESIBA FLEXTOUCH

NOVO NORDISK FARM. DO BRASIL LTDA.
SISTEMA DE APLICAÇÃO 3 ML
SOLUÇÃO INJETÁVEL.
100 U/ML.

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO:
Tresiba FlexTouch 100 U/Ml.
Insulina degludeca.

APRESENTAÇÕES:
Tresiba FlexTouch 100 U/mL - embalagens com 1 ou 5 sistema(s) de aplicação preenchido(s), cada um com 3 mL de solução injetável de insulina degludeca.

VIA SUBCUTÂNEA.
USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 1 ANO.
COMPOSIÇÃO:

1 mL de solução contém:
Insulina degludeca ............................................................................................................................... 100 U (equivalente a 3,66 mg de insulina degludeca)

Excipientes: glicerol, metacresol, fenol, acetato de zinco, ácido clorídrico, hidróxido de sódio e água para injetáveis.

Cada sistema de aplicação preenchido de Tresiba FlexTouch contém 3 mL equivalente a 300 U. Uma unidade (U) de insulina degludeca corresponde a uma unidade internacional (UI).

O sistema de aplicação preenchido pode fornecer uma dose máxima de 80 unidades em uma única injeção com incrementos de dose de 1 unidade.

A insulina degludeca é produzida por tecnologia do DNA recombinante em Saccharomyces cerevisiae.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE:
1. PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Tresiba (insulina degludeca) é indicado para o tratamento de diabetes mellitus em adultos, adolescentes e crianças acima de 1 ano de idade.

Tresiba pode ser usado em combinação com antidiabéticos orais, assim como com outras insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

Em pacientes com diabetes mellitus tipo 2, Tresiba® pode ser utilizado isoladamente ou em combinação com antidiabéticos orais, ou agonistas de receptores de GLP-1 e insulina bolus.

Em pacientes com diabetes mellitus tipo 1, Tresiba® sempre deve ser administrado em combinação com insulina rápida ou ultrarrápida.

2. COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Tresiba ajuda o seu corpo a reduzir o nível de açúcar no sangue (glicemia). É uma insulina de ação ultralonga chamada insulina degludeca para utilização uma vez ao dia.

Tresiba tem efeito prolongado na redução do açúcar no sangue. Por este motivo, em ocasiões em que você não possa aplicar no horário recomendado, é possível mudar o horário de aplicação (veja o item “Posologia – Flexibilidade do horário de aplicação”).

Tresiba FlexTouch 100 U/mL dispensa uma dose máxima de 80 unidades por injeção em intervalos de dose de 1 U. Seu médico ou profissional de saúde irá mostrar como usar o sistema de aplicação.

O seu médico pode pedir que use somente Tresiba ou Tresiba associado com outros medicamentos para diabetes.
Tresiba pode ser usado com insulina de ação rápida ou ultrarrápida.

No diabetes mellitus tipo 2, Tresiba pode ser utilizado em combinação com antidiabéticos orais ou com outros antidiabéticos injetáveis, que não a insulina. No diabetes mellitus tipo 1, Tresiba deve ser usado em combinação com insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

3. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Não use Tresiba se você for alérgico (hipersensível) à insulina degludeca ou a qualquer um dos outros componentes do medicamento (veja o item “Composição”).

4. O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Leia toda a bula com atenção antes de começar a usar este medicamento, pois contém informações importantes para você.

• Mantenha esta bula com você. Você pode precisar lê-la novamente.
• Se você tiver dúvidas adicionais, pergunte ao seu médico ou profissional de saúde.
• Este medicamento foi prescrito apenas para você. Não o dê para outras pessoas. Ele poderá causar danos até mesmo se os sinais da doença forem os mesmos que os seus.
• Se você apresentar qualquer efeito adverso converse com o seu médico ou profissional de saúde. Isto inclui qualquer possível efeito adverso não mencionado nesta bula.

Advertências e precauções:
Converse com seu médico ou profissional de saúde antes de usar Tresiba. Tenha especial atenção nos seguintes casos:

• Baixo nível de açúcar no sangue (hipoglicemia) – Se o seu nível de açúcar no sangue estiver muito baixo, siga a orientação para baixo nível de açúcar no sangue, descrita no item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

• Alto nível de açúcar no sangue (hiperglicemia) – Se o seu nível de açúcar no sangue está muito alto, siga a orientação para alto nível de açúcar no sangue, descrita no item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

• Transferência de outro tipo de insulina – A dose de insulina pode precisar ser alterada se você mudar de marca ou fabricante de insulina. Converse com seu médico.

• Tiazolidinedionas usadas em combinação com insulina, veja o item “tiazolidinedionas” a seguir.

• Distúrbio visual – A rápida melhora do controle do açúcar no sangue pode levar a piora temporária do distúrbio visual diabético. Se você apresentar problemas visuais, converse com seu médico.

• Garanta que você está usando o tipo certo de insulina – Sempre verifique o rótulo da insulina antes de cada injeção para evitar a troca acidental de Tresiba com outras insulinas.

Para pacientes com deficiência visual, verificar o item “6. Como devo usar este medicamento?”.

Crianças e adolescentes:
Este medicamento pode ser usado por adolescentes ou crianças acima de 1 ano de idade. Não existe experiência com o uso de Tresiba em crianças menores de 1 ano de idade.

Em crianças, deve-se tomar cuidado para que as doses de insulina (especialmente em regime basal-bolus) coincidam com a ingestão de alimentos e a realização de atividades físicas, a fim de minimizar o risco de hipoglicemia.

Não há experiência clínica do uso da insulina degludeca em crianças ou adolescentes de até 18 anos de idade com diabetes mellitus do tipo 2. Os dados para adolescentes com diabetes mellitus do tipo 2 foram extrapolados.

Gravidez e amamentação:
Não se sabe se Tresiba afeta o bebê na gestação. Fale com o seu médico para aconselhamento se você estiver grávida, planejando engravidar ou amamentando antes de usar este medicamento. Sua dose de insulina podem necessitar de ajuste durante a gravidez e após o parto. É necessário um controle cuidadoso do seu diabetes durante a gravidez. É importante para a saúde de seu bebê evitar níveis muito baixos de açúcar no sangue (hipoglicemia).

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Dirigindo e usando máquinas:
Níveis muito baixos (hipoglicemia) ou muito altos (hiperglicemia) de açúcar no sangue podem afetar sua capacidade de dirigir ou utilizar quaisquer ferramentas ou máquinas. Se seu nível de açúcar no sangue está muito alto ou muito baixo, sua habilidade para concentrar-se ou reagir pode estar afetada. Isto pode ser perigoso para você e para os outros.

Consulte seu médico para saber se você pode dirigir:
• Se você frequentemente fica com o nível de glicose no sangue muito baixo;
• Se você acha difícil reconhecer quando o nível de glicose no sangue está muito baixo.

Importante informação sobre alguns componentes de Tresiba:
Tresiba contém menos de 23 mg (1 mmol) de sódio por dose. Isto significa que Tresiba é essencialmente "livre de sódio".

Este medicamento pode causar doping.

Principais interações medicamentosas:
Informe ao seu médico ou profissional de saúde se você estiver tomando ou tiver tomado recentemente qualquer outro medicamento, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Alguns medicamentos afetam o seu nível de açúcar no sangue - isso pode significar que sua dose de insulina deve mudar.
Os medicamentos mais comuns que podem afetar o seu tratamento com insulina estão listados a seguir.

Seu nível de açúcar no sangue pode diminuir (hipoglicemia), se você utilizar:
• Outros medicamentos para diabetes;
• Sulfonamidas - para infecções;
• Esteroides anabolizantes - como a testosterona;
• Beta-bloqueadores - para pressão alta. Eles podem tornar mais difícil de reconhecer os sinais de nível muito baixo de açúcar no sangue (veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”);
• Ácido acetilsalicílico (e outros salicilatos) - para dor e febre moderada;
• Inibidores da monoaminoxidase (IMAO) - para depressão;
• Inibidores da enzima conversora da angiotensina (ECA) - para alguns problemas cardíacos ou pressão alta.

Seu nível de açúcar no sangue pode aumentar (hiperglicemia), se você utilizar:
• Danazol - para endometriose;
• Contraceptivos orais - pílula anticoncepcional;
• Hormônios da tireoide - para problemas de tireoide;
• Hormônio do crescimento - para deficiência de hormônio de crescimento;
• Glicocorticoides como a cortisona - para a inflamação;
• Simpatomiméticos como a epinefrina (adrenalina), salbutamol ou terbutalina - para asma;
• Tiazidas - para pressão alta ou se o seu corpo está acumulando muita água (retenção de líquidos).

Octreotida e lanreotida - usados para o tratamento de uma condição rara envolvendo excesso de hormônio do crescimento (acromegalia). Ambos podem aumentar ou diminuir o seu nível de açúcar no sangue.

Iazolidinediona - medicamento antidiabético oral utilizado para o tratamento do diabetes mellitus tipo 2.
Alguns pacientes com diabetes mellitus tipo 2 de longa data e doença cardíaca ou acidente vascular cerebral prévio, que foram tratados com tiazolidinediona e insulina, desenvolveram insuficiência cardíaca. Informe ao seu médico o mais rápido possível se você apresentar sinais de insuficiência cardíaca, tais como falta de ar incomum ou aumento rápido do peso ou inchaço localizado (edema).

Se alguma das situações acima se aplica a você (ou você não tem certeza), fale com seu médico ou profissional de saúde.

Tresiba com álcool: Se você tomar bebidas alcoólicas sua necessidade de insulina pode mudar. Seu nível de açúcar no sangue pode tanto diminuir quanto aumentar. Seu nível de açúcar no sangue deverá ser monitorado mais frequentemente do que o usual.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.
Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

5. ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Antes do uso: Conservar sob refrigeração (temperatura entre 2 °C e 8 °C). Mantenha o medicamento distante do compartimento do congelador. Não congelar.

Em uso ou carregados como reserva: Você pode levar Tresiba FlexTouch com você e mantê-lo à temperatura ambiente (abaixo de 30 °C) ou sob refrigeração entre 2 °C e 8 °C, por até 8 semanas.

Após aberto, Tresiba deve ser mantido em temperatura ambiente, inferior a 30 °C ou sob refrigeração entre 2 °C e 8 °C, longe do calor direto e tampado para proteger da luz, por no máximo 8 semanas (56 dias).

Sempre mantenha o sistema de aplicação tampado quando você não estiver usando, para proteger da luz.
Tresiba deve ser protegido do calor e luz excessivos.
Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.
O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Medicamentos não devem ser descartados pelo encanamento ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos que já não são necessários. Estas medidas ajudarão a
proteger o meio ambiente.

Tresiba é uma solução límpida e incolor.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

6. COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Sempre usar este medicamento exatamente como o seu médico indicou. Caso você não tenha certeza, verifique com o seu médico ou profissional de saúde.

Cegos ou pessoas que apresentam problemas visuais e não podem ler o contador de dose da caneta, não devem usar a caneta sem ajuda. Alguém com boa visão, que seja treinada para usar o sistema de aplicação Tresiba FlexTouch, deve auxiliar.

Posologia:
Você e seu médico irão decidir:
• Quanto Tresiba você vai precisar a cada dia
• Quando verificar o nível de açúcar no sangue e se você precisa de uma dose maior ou menor.

Tresiba pode ser usado com insulina de ação rápida ou ultrarrápida. No diabetes mellitus tipo 2,

Tresiba pode ser utilizado em combinação com antidiabéticos orais ou com outros antidiabéticos injetáveis que não a insulina. No diabetes mellitus tipo 1, Tresiba deve ser usado em combinação com insulinas de ação rápida ou ultrarrápida.

Flexibilidade do horário de aplicação:
• Siga sempre a recomendação de dose do seu médico.
• Use Tresiba uma vez ao dia, preferencialmente no mesmo horário todos os dias.

• Em ocasiões quando não for possível usar Tresiba no mesmo horário do dia, é possível aplicar em outro horário. Assegure-se de haver no mínimo 8 horas entre as aplicações. Não há experiência com flexibilidade no horário de administração de Tresiba em crianças e adolescentes.

• Se você quiser mudar a sua dieta habitual, verifique antes com seu médico ou profissional de saúde, visto que uma alteração na dieta pode alterar suas necessidades de insulina.

O seu médico pode alterar a sua dose com base no seu nível de açúcar no sangue.
Quando usar outros medicamentos, pergunte ao seu médico se o seu tratamento precisa ser ajustado.

Injetando o seu medicamento:
Antes de usar Tresiba FlexTouch pela primeira vez, o seu médico ou profissional de saúde mostrará como usá-lo.

• Verifique o nome e cor da etiqueta no sistema de aplicação para se certificar de que é a insulina correta.

Não use Tresiba FlexTouch:
- Em bombas de infusão de insulina.
- Se o sistema de aplicação estiver danificado ou não foi corretamente armazenado (ver item “5. Onde, como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?”).
- Se a insulina não tiver aspecto límpido e incolor.

Como injetar:
- Tresiba é administrado através de aplicação sob a pele. Não o injetar na veia ou no músculo.
- Os melhores lugares para aplicar são à frente das coxas, parte superior dos braços ou na barriga (abdômen).
- Mude o local da injeção a cada dia para evitar caroços nestas áreas.

As instruções detalhadas para o uso encontram-se no final desta bula.

Uso em crianças e adolescentes:
Tresiba pode ser usado em adolescentes e crianças acima de 1 ano de idade. Não existe experiência com o uso de Tresiba em crianças menores de 1 ano de idade.

Uso em idosos:
Tresiba pode ser usado em pacientes idosos acima de 65 anos de idade, mas você talvez precise verificar seu nível de açúcar no sangue mais regularmente. Converse com o seu médico sobre as mudanças na sua dose.

Se você tiver problemas nos rins ou no fígado:
Se você tiver problemas nos rins ou no fígado pode ser necessário verificar o seu nível de açúcar no sangue mais regularmente. Converse com seu médico sobre as mudanças na sua dose de Tresiba.

Se você parar de usar Tresiba:
Não pare de utilizar sua insulina sem falar com seu médico. Se você parar de utilizar sua insulina, seu nível de açúcar no sangue pode aumentar muito e levar à cetoacidose (é uma emergência médica, e acontece quando os níveis de açúcar no sangue do paciente diabético encontram-se muito altos e estão acompanhados do aumento da quantidade de cetonas no sangue) (veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”).

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

7. O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Se você esquecer uma dose, aplique a dose esquecida assim que o perceber garantindo um mínimo de 8 horas entre as doses. Caso você perceba que se esqueceu de tomar a dose anterior, no momento de tomar a dose atual não tome uma dose dupla e retorne a sua dose diária habitual.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

8. QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Como os demais medicamentos, Tresiba pode causar efeitos colaterais, embora nem todos pacientes apresentem estes efeitos. Os seguintes efeitos colaterais podem ocorrer com o uso deste medicamento:

Reação muito comum (pode ocorrer em mais de 1 em 10 pacientes):
Nível muito baixo de açúcar no sangue (hipoglicemia) que pode ser muito grave. Se seu nível de açúcar no sangue diminuir demais você pode ficar inconsciente. Hipoglicemia grave pode causar dano cerebral e pode ser fatal. Se você tiver sintomas de baixo nível de açúcar no sangue, tome ações para aumentar o nível de açúcar no sangue imediatamente - veja a seguir “Nível muito baixo de açúcar no sangue”.

Reação comum (pode ocorrer em até 1 em 10 pacientes):
Reações locais: pode ocorrer reação no local de aplicação. Os sinais podem incluir: dor, vermelhidão, urticária, inchaço e coceira. As reações geralmente desaparecem depois de alguns dias. Consulte o seu médico se não desaparecerem após algumas semanas. Pare de usar Tresiba® e consulte um médico imediatamente caso as reações se tornem graves. Para mais informações veja a seguir "Reação alérgica grave”.

Reação incomum (pode ocorrer em até 1 em 100 pacientes):
Alterações de pele no local de aplicação (lipodistrofia): se você aplicar a injeção frequentemente no mesmo lugar, a gordura sob a pele pode atrofiar (lipoatrofia) ou tornar-se mais espessa (lipohipertrofia).

A mudança do local da injeção a cada aplicação pode ajudar a evitar estas alterações na pele. Se você observar essas alterações na pele, informe ao seu médico ou profissional de saúde. Se você continuar aplicando a injeção no mesmo lugar, estas reações podem se tornar mais graves e afetar a quantidade de medicamento que o seu corpo absorve após a aplicação.

Inchaço ao redor das suas articulações: quando você começa a utilizar o medicamento, seu corpo pode reter mais água do que deveria. Isso pode causar inchaço ao redor dos tornozelos e outras articulações. Isto geralmente é de curta duração.

Reação rara (pode ocorrer em até 1 em 1000 pacientes):
Este medicamento pode causar reações alérgicas tais como urticária, inchaço da língua e dos lábios, diarreia, cansaço, náuseas e coceira.

Reação alérgica grave: se você tiver uma reação alérgica grave ao Tresiba ou à qualquer um de seus componentes, pare de usar Tresiba e consulte um médico imediatamente. Os sinais de uma reação alérgica grave são:

• As reações locais espalham para outras partes do seu corpo;
• Você de repente se sente mal e transpira;
• Você começa a apresentar vômitos;
• Você sente dificuldade em respirar;
• Você apresenta batimento cardíaco rápido ou sensação de tontura.

Outros efeitos do diabetes:
- Nível muito baixo de açúcar no sangue (hipoglicemia)

Nível muito baixo de açúcar no sangue pode ocorrer se você:
Tomar bebidas alcoólicas; usar muita insulina; exercitar-se mais do que o normal; comer muito pouco ou pular uma refeição.

Sinais de alerta de nível muito baixo de açúcar no sangue - estes podem surgir rapidamente:
Dor de cabeça, fala arrastada, batimento cardíaco acelerado, suor frio, pele fria e pálida, sentir-se adoentado, sentir muita fome, tremor ou sensação de nervoso ou preocupação, sentir um cansaço anormal, fraqueza e sonolência, sensação de confusão, dificuldade de concentração, mudanças de curta duração na sua visão.

O que fazer se você apresentar níveis muito baixos de açúcar no sangue:
• Coma açúcar ou outro alimento muito açucarado como doces, biscoitos ou suco de fruta (sempre leve açúcar ou algum alimento muito açucarado com você, como precaução).

• Se possível dose o açúcar no sangue e descanse. Você pode precisar medir o açúcar no sangue mais de uma vez, visto que com toda insulina basal a melhora pode demorar.

• Aguarde até que os sinais de baixo nível de açúcar no sangue tenham desaparecido ou que o seu nível de açúcar no sangue se restabeleça. Em seguida, continue com a sua insulina, como de costume.

O que os outros precisam fazer caso você desmaie:

Informe que você tem diabetes a todos com quem você passa mais tempo. Informe a eles o que pode acontecer, incluindo o risco de desmaiar quando o nível de açúcar no sangue ficar muito baixo.

Eles precisam saber que, se você desmaiar, eles devem:
• Virar você de lado;
• Obter ajuda médica imediatamente;
• Não dar a você nada para comer ou beber, pois você poderá engasgar.

Você pode se recuperar mais rapidamente do desmaio com uma injeção de glucagon. Esta só pode ser administrada por alguém que saiba como usá-la.

• Se você receber glucagon, você vai precisar de açúcar ou um alimento açucarado logo que você se recuperar.
• Se você não responder a uma injeção de glucagon, você terá que ser tratado em um hospital.
• Se a hipoglicemia grave não for tratada ao longo do tempo, pode ocorrer dano cerebral. Isto pode ser de curta ou longa duração e pode levar à morte.

Converse com seu médico se:
- O nível de açúcar no sangue ficou tão baixo que você desmaiou;
- Você usou uma injeção de glucagon;
- Você apresentou hipoglicemia algumas vezes recentemente.

Isso pode acontecer porque a dose ou o horário de suas aplicações de insulina, alimentação ou exercício podem precisar ser alterados.
- Nível muito alto de açúcar no sangue (hiperglicemia).

Nível muito alto de açúcar no sangue pode acontecer se você:
Comer mais ou se exercitar menos do que o habitual; tomar bebida alcoólica; tiver uma infecção ou febre; não usar insulina suficiente; usar constantemente menos insulina do que você precisa; esquecerse de usar a sua insulina ou parar de usar a insulina sem falar com seu médico.

Sinais de alerta de nível muito alto de açúcar no sangue - estes normalmente aparecem gradualmente:
Rubor da pele, pele seca, sonolência ou cansaço; boca seca, respiração com odor de fruta (hálito cetônico); urinar com mais frequência, sensação de sede; perda de apetite, mal-estar (náuseas ou vômitos).

Estes podem ser sinais de uma condição muito grave chamada cetoacidose. Este é um acúmulo de ácido no sangue porque o corpo está utilizando a gordura em vez de açúcar. Se não for tratada, esta pode levar ao coma diabético e eventualmente à morte.

O que fazer se você apresentar nível muito alto de açúcar no sangue:
• Teste seu nível de açúcar no sangue;
• Se puder, teste sua urina para cetonas;
• Obtenha ajuda médica imediatamente.

Se você apresentar qualquer efeito colateral, fale com o seu médico ou profissional de saúde. Isto inclui quaisquer possíveis efeitos colaterais não mencionados nesta bula.

Atenção:
Este produto é um medicamento novo e, embora as pesquisas tenham indicado eficácia e segurança aceitáveis, mesmo que indicado e utilizado corretamente, podem ocorrer eventos adversos imprevisíveis ou desconhecidos. Nesse caso, informe seu médico ou cirurgião- dentista.

9. O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Se você usar muita insulina o seu açúcar no sangue pode ficar muito baixo (hipoglicemia) - veja o item “8. Quais os males que este medicamento pode me causar?”.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

DIZERES LEGAIS.
Registro MS 1.1766. 0029.
Farmacêutico responsável:
Luciane M. H. Fernandes.
CRF/PR n° 6002
Fabricado por:
Novo Nordisk A/S.
DK-2880 Bagsværd, Dinamarca.
Importado por:
Novo Nordisk Farmacêutica do Brasil Ltda.
Rua Prof. Francisco Ribeiro, 683.
CEP: 83707-660.
Araucária/PR.
CNPJ: 82.277.955/0001-55.
Disk Novo Nordisk: 0800 144488.
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Esta bula foi aprovada pela Anvisa em 18/10/2019.

 

Veja avaliações de quem já comprou